Celebridades se unem pela revisão da lei

Por O Dia

Celebridades do show business, como Lady Gaga e Ariana Grande, pediram aos líderes americanos que ajam rapidamente para endurecer as leis de armas após o massacre. Lady Gaga usou a sua influência nas redes sociais para pressionar os políticos. "Democratas e republicanos, por favor, se unam agora", escreveu a estrela do pop.

Ariana Grande, que em maio viveu drama semelhante, quando um seguidor do Estado Islâmico matou 22 pessoas que foram a seu show em Manchester, disse que não via diferença com o ataque em Las Vegas. "Precisamos de amor, unidade, paz, controle de armas e que as pessoas olhem para isso e chamem do que é: terrorismo", tuitou.

Autoridades ainda não sabem o que levou Stephen Paddock a cometer tamanha atrocidade. Não surgiram ligações com o Estado Islâmico, que 'reivindicou' a autoria do 'atentado' de Las Vegas.

Comentários

Últimas de Mundo & Ciência