Guarda Municipal armada

Por Marcos Espíndola

Armar a Guarda Municipal está entre as sugestões do advogado Espíndola. "A falta de oportunidade, emprego e a queda no poder de compra contribuem para que os traficantes atraiam mão de obra, recrutando jovens para o crime. Para reverter essa situação, a educação deve ser a palavra de ordem. Investimento em outras áreas sociais, como moradia, saúde e emprego, também serão determinantes para um futuro mais promissor. Integrar os municípios, estados e federação e investir nas polícias.

E a segurança pública é um problema nacional, começando pelas fronteiras, onde chegam as drogas e armas que abastecem o tráfico. O caminho é aumentar o efetivo da Polícia Militar, porém oferecendo treinamentos adequados, equipamentos e condições de trabalho. Há 4 mil concursados aguardando para ingressar na corporação, mas, por questões financeiras, não são chamados. Na Polícia Civil, responsável pelas investigações, o efetivo que deveria ter mais de 23 mil agentes, hoje conta com menos de 10 mil. Armar a Guarda Municipal, como já acontece em alguns municípios, pode ser um fator de apoio para a segurança".

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro