Ativista político é morto a tiros em Seropédica

Fuga de bandidos leva terror em meio a brinquedos em N. Iguaçu. Assaltante mata dois em São João

Por O Dia

O crime no Estado do Rio não tem lugar e nem hora para acontecer e não alivia ninguém, nem as crianças. Todo dia alguém fala isso. Mesmo assim, a situação choca e amedronta. Seja em um parque de diversões de Nova Iguaçu ou uma loja de telefonia de Ipanema, passando por um barzinho de Seropédica ou pelas imediações do Palácio Guanabara, sede do Governo do Estado, em Laranjeiras, não tem local seguro. E o risco de ser a próxima vítima é compartilhado por todos os fluminenses.

Era para ter sido um feriado repleto de alegria, diversão e sorrisos, mas o Dia das Crianças foi marcado por três ações criminosas nos municípios de Nova Iguaçu, São João de Meriti e Duque de Caxias, que terminaram com cinco mortos e outros seis feridos. A polícia ainda não tem pistas sobre a autoria dos crimes que espalharam terror.

No primeiro caso, o dono do Parque PlayCity, Manoel Alves Gomes, e o seu segurança, o sargento da PM Jorge da Silva Brandão, foram mortos quando deixavam o local, por volta das 22h30. Segundo a investigação, dois bandidos anunciaram o assalto e atiraram contra as vítimas. Para o delegado Luiz Otávio Franco, a principal linha de investigação é o roubo seguido de morte. "Dois assaltantes abordaram as vítimas pedindo dinheiro e em seguida atiraram. O policial não reagiu. Os bandidos deram um tiro em cada vítima", disse Franco. Manoel foi baleado na cabeça e morreu no local.

O sargento Brandão, que foi o 108º PM morto este ano, chegou a ser levado para o Posto de Atendimento Médico (PAM) de São João de Meriti, mas não resistiu. O carro em que as vítimas estavam foi localizado e no veículo foi encontrado R$ 2.900. "Acredito que algum funcionário tenha dado a informação, pois os bandidos sabiam a hora em que o empresário estava saindo e que ele transportava o dinheiro. Vamos ouvir os funcionários", garantiu o delegado.

Ele acrescentou que irá analisar imagens de câmeras de segurança do Shopping Grande Rio, onde o parque funcionava, para tentar identificar os criminosos. Devido ao crime, o parque ainda não tem data para ser reaberto. Gomes e Brandão foram velados na mesma capela e serão enterrados hoje, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap.

Galeria de Fotos

Estilhaços da granada lançada por bandidos ficaram na calçada Luiz Ackermann / Agência O Dia
0-13-7--20 - Bomba em Laranjeiras Na foto: Porteiro na garagem, procura estragos de bomba em prédios da Rua Moura Brasil,60 Foto: Luiz Ackermann / O Dia Luiz Ackermann / Agência O Dia
0-13-7--20 - Assalto em Ipanema Na foto: Taxi furado por tiro na porta da 14 DP, taxista ao volante José de Arimatéia Felipe Foto: Luiz Ackermann / O Dia Luiz Ackermann
O sargento Jorge da Silva Brandão (foto à direita) foi morto com um tiro junto com o dono do parque de São João de Meriti, também assassinado. Em Nova Iguaçu (E), frequentadores fizeram vídeos dos momentos de pânico dentro do parque REPRODUÇÃO DE VIDEO
Dia das Crianças virou uma noite de terror para dezenas de famílias em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na noite desta quinta-feira (12). Três pessoas ficaram feriadas durante um tiroteio na frente de um parque de diversões.e Dia das Crianças virou uma noite de terror para dezenas de famílias em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na noite desta quinta-feira (12). Três pessoas ficaram feriadas durante um tiroteio na frente de um parque de diversões. REPRODUÇÃO DE VIDEO
Famílias que festejavam o Dia das Crianças entraram em desespero entre os brinquedos do Play Kids na noite de quinta-feira, em N. Iguaçu Estefan Radovicz/Agência O Dia
Sargento Jorge da Silva Brandão foi morto no parque de diversões em São João de Meriti REPRODUÇÃO

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro