Lucy Ramos é vítima de ataques racistas

No ar na novela das nove, atriz afirmou que vai atrás do criminoso

Por O Dia

A atriz Lucy Ramos, a Leila de 'A Força do Querer', da Globo, registrará queixa por ofensas racistas na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), na Cidade da Polícia, na Zona Norte do Rio. No sábado, ela divulgou em seu Instagram que foi atacada com comentários preconceituosos do tipo "macaca fedorenta sebosa nojenta" e "se mata peste miserável". "Estou indo atrás dos meus direitos, e essa pessoa não vai sair impune", disse a artista na rede social.

O ato de intolerância causou espanto para Lucy e seus seguidores. "Como pode uma pessoa criar uma conta no Instagram única e exclusivamente para ofender outras pessoas! Porque com certeza eu não fui a única. A covardia é tanta que nem mostrar o rosto teve coragem", desabafa a atriz. Apesar de indignada, a intérprete afirma que nada disso a atingiu. "Eu me amo, me aceito, me respeito, sei quem sou, para o que luto e vivo", frisa ela. Lucy conta ainda que pensou muito se deveria postar ou não as ofensas recebidas. "Mas fiz questão de postar para dizer que não podemos deixar esse tipo de pessoa sair ofendendo outras, se escondendo por trás da internet e achando que nada vai lhe acontecer.

Quando identificado o agressor, ele pode responder por injúria por preconceito, que é injúria qualificada, e pelo crime de racismo, tendo pena de reclusão de 1 a 4 anos.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro