União para superar todas as adversidades da vida

Por O Dia

O 'Megacasamento' representa a superação de uma depressão para Maria José do Nascimento, de 32 anos, moradora do bairro Muzema. Ela conta que deu a volta por cima quando encontrou o companheiro e, agora, acredita em um novo momento de sua vida a partir do casamento comunitário.

"Foram tempos muito difíceis, fiquei três anos sozinha, sempre pedindo a Deus alguém que pudesse se juntar a mim. Eu descobri o 'Megacasamento' pelo Facebook, me inscrevi e fui selecionada. Meu sonho era me casar de verdade, pois já estamos juntos há cinco anos", destaca Maria José.

A noiva Tatiane Sacramento, de 38 anos, também teve de superar algumas dificuldades nos últimos anos. Mas sempre contou com o companheirismo do noivo, Nilton de Souza Santos, de 44 anos. "Vim de uma cirurgia para ter um bebê que foi muito difícil, eu quase morri. Na minha recuperação, meu noivo sempre me apoiou e agora estou aqui. Está sendo tudo na minha vida este casamento", conta ela.

Nilton de Souza Santos, por sua vez, brinca hoje com o entusiasmo e dedicação da mulher com o casamento coletivo. "Nada mais acontece na minha casa agora, a não ser a preparação para a nossa cerimônia. Eu acho melhor ela começar a ser arrumar hoje. Você não imagina quantas vezes ela já esteve no comércio vendo as roupas para casar", comenta.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro