Deu de sonsa

Por O Dia

Procuradora-geral da República, Raquel Dodge durante sessão do STF. Foto: Carlos Moura/SCO/STF (26/10/2017)
Procuradora-geral da República, Raquel Dodge durante sessão do STF. Foto: Carlos Moura/SCO/STF (26/10/2017) - Carlos Moura/SCO/STF/26/10/2017

Procuradora-geral da República, Raquel Dodge deu uma de sonsa, e cabe ao Congresso Nacional cair ou não nessa. Ela poderia se dizer sob suspeição para se posicionar contra a PEC 412/2009, que dá autonomia orçamentária e administrativa à Polícia Federal. Dodge representa a categoria dos procuradores que, declaradamente, disputa o poder de inquérito com delegados, inclusive com lobbies na Câmara e Senado.

Comentários