Flamengo cai no Sul e se distancia do G-4

Time perde para o Grêmio, fica a sete pontos do quarto lugar e Rueda assume culpa

Por ASSINATURA REPÓRTER ????? ????

-

O Flamengo começa a se complicar na busca por uma vaga na Libertadores de 2018. Com a derrota para o Grêmio por 3 a 1, ontem, em Porto Alegre, a equipe ficou a sete pontos do G-4, principal objetivo rubro-negro, de olho na classificação à fase de grupos. Caso não consiga tirar a diferença nas últimas seis rodadas do Campeonato Brasileiro, terá somente o título da Sul-Americana como alternativa. E o alerta está ligado. Afinal, se o Vitória não empata com o Vasco no final, os rubro-negros, hoje, estariam fora até do G-7.

Foi o terceiro jogo seguido do Flamengo sem vencer no Brasileiro nas duas rodadas anteriores, empate com o Vasco e derrota para o São Paulo. Desta vez, o técnico assumiu a culpa: "Perdi o jogo. O jogo era controlado. Até 1 a 0 estava funcionando, mas com o 1 a 1... Não pela estratégia, escalação, mas como se assimila. O 1 a 1 não é a morte. É placar para trabalhar e buscar o jogo."

Com muitos desfalques, Rueda optou por uma formação mais defensiva, pelo menos no papel. Para o lugar de Diego, escalou Márcio Araújo. Os três volantes deixaram Everton Ribeiro sobrecarregado na criação das jogadas.

O técnico, sem Réver, Juan e Léo Duarte, se viu obrigado a começar com Rhodolfo e Rafael Vaz. Na esquerda, reforçou a marcação com Renê.

"Saímos na frente, mas demos um passo atrás. Com a torcida deles empurrando do início ao fim é complicado", afirmou Pará que parecia perdido na defesa.

Apesar dos problemas do Flamengo havia ainda o baque pela notícia do doping de Guerrero , o equilíbrio marcou o primeiro tempo. "A gente está conseguindo encaixar o contra-ataque, mas no finalzinho eles foram superiores. Vamos tentar acertar e fazer o gol", disse Everton Ribeiro.

O camisa 7 não ficou no discurso. No primeiro minuto do segundo tempo, de peixinho, abriu o placar.

A estrela de Renato Gaúcho, porém, brilhou, quando, aos 23, ele trocou, respectivamente, Jael e Fernandinho por Beto da Silva e Everton. E este, três minutos depois, já havia virado o placar.

Primeiro, ele se valeu de indefinição da defesa e empatou. Logo depois, Pará errou e deixou o camisa 11 gremista livre para fazer o segundo, com categoria. E aos 38, Beto da Silva aproveitou falha feia de Rafael Vaz e deixou Luan sozinho. Só depois do terceiro gol que Rueda colocou Geuvânio e Lucas Paquetá, que acertou a trave no final.

Galeria de Fotos

Torcida recepcionou Guerrero no aeroporto de Lima com muita festa Reprodução de vídeo
Técnico do Flamengo Reinaldo Rueda Gilvan Souza / Flamengo
Everton (11) se antecipa a Rhodolfo (44) para marcar o primeiro gol do Grêmio Jeferson Guareze/AGIF

Comentários

Últimas de Esporte