Lewis Hamilton bate e Bottas larga na pole

Britânico perde controle da Mercedes logo no começo do treino e sai em último lugar. Felipe Massa fica com a nona colocação

Por O Dia

Tetracampeão mundial de Fórmula 1 por antecipação, o britânico Lewis Hamilton vai largar em último lugar no GP Brasil, hoje, às 14h, em Interlagos. Ele perdeu o controle de sua Mercedes, saiu de traseira na curva do Laranjinha e atingiu a barreira de pneus com a lateral esquerda do carro, tendo que abandonar o treino ainda no Q1, algo que não acontecia desde a corrida na Bélgica de 2016. A pole position ficou com o finlandês Valtteri Bottas, seu companheiro de equipe.

Em segundo e terceiro lugares no grid, respectivamente, ficaram o alemão Sebastian Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari.

Em sua última prova no Brasil antes da despedida da Fórmula 1, Felipe Massa conseguiu o 10º melhor tempo, mas vai largar em nono por conta de uma punição ao australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull.

ASSALTO NOS ARREDORES

Na noite de sexta-feira, vans de equipes de Fórmula 1 e um carro da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) foram abordados por homens armados nos arredores do Circuito de Interlagos, dia de treinos livres para o GP do Brasil. O episódio ocorreu na Avenida Interlagos, por volta das 20h, quando os funcionários deixavam o circuito.

Os bandidos pararam vans que levavam mecânicos de equipes. O veículo com integrantes da Mercedes foi assaltado. No Twitter, Lewis Hamilton disse que tiros foram disparados e armas foram apontadas para a cabeça dos funcionários.

"Por favor, mandem orações para meus caras que estão aqui, que estão sendo profissionais, mesmo abalados. Isso acontece todo ano. A F-1 e as equipes precisam fazer mais, não há mais desculpas", afirmou o tetracampeão mundial.

Comentários