Ministério da Fazenda publicou resolução no Diário Oficial da União autorizando a redução somente ontem

Por O Dia

Rio - A novela sobre a queda do teto dos juros de empréstimos consignados para aposentados e pensionistas do INSS esbarra mais uma vez na burocracia. Primeiro por conta da análise da Procuradoria da Fazenda, que avaliou a proposta do Conselho Nacional de Previdência, mas somente ontem, o Ministério da Fazenda publicou resolução no Diário Oficial da União autorizando a redução.

Há mais de um mês que o conselho aprovou a queda do teto dos juros de 2,14% para 2,08% ao mês. Mas para vigorar, ainda depende de portaria do INSS ser publicada - ainda sem data - determinando o novo teto que pode ser aplicado pelos bancos.

Para João Batista Inocentini, presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados, ligado à Força Sindical, o governo Temer “acabou com a Previdência Social e esse fatiamento entre Casa Civil, Planejamento e Fazenda deixa todo mundo perdido”, critica

Últimas de _legado_Notícia