Balão atinge Velódromo do Rio

Em menos de cinco meses, espaço já pegou fogo duas vezes

Por O Dia

O incêndio de ontem causou danos no revestimento da cobertura
O incêndio de ontem causou danos no revestimento da cobertura - Reprodução Twitter

Pela segunda vez, um incêndio atingiu o Velódromo do Parque Olímpico, na Barra da Tijuca. O fogo foi provocado pela queda de um balão no início da madrugada de domingo. Houve danos no revestimento da cobertura, mas sem risco estrutural. A Autoridade de Governança do Legado Olímpico (Aglo) vai pedir hoje à Polícia Federal que instaure um inquérito para apurar o incidente.

Os bombeiros do quartel da Barra da Tijuca foram acionados para conter as chamas e ninguém ficou ferido. A Defesa Civil informou que não foi necessário interditar o circuito. Porém, um torneio de judô que aconteceria foi cancelado por motivos de segurança.

A Aglo lamentou o incidente e informou que tomou as medidas iniciais para o processo de reparos, inclusive com a limpeza do local. Em 30 de junho, um balão caiu no teto do espaço e destruiu parte da cobertura. A obra de reconstrução custou R$ 199.431,85 aos cofres públicos. A empresa ainda anunciou que a Procuradoria Federal já instaurou procedimento administrativo para apurar os danos aos cofres públicos e buscar os responsáveis sobre o ressarcimento.

Galeria de Fotos

Balão atingiu o forro do velódromo, mas não danificou a estrutura Agência Brasil
O incêndio de ontem causou danos no revestimento da cobertura Reprodução Twitter

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro