Lula x Reforma

Por O Dia

O ex-presidente Lula deu o tom de sua eventual campanha à Presidência da República, caso não seja impedido pela Justiça, numa plenária da Federação dos Sindicatos de Metalúrgicos, vinculada à CUT, em São Paulo. Entrelinhas: quer derrubar a Reforma Trabalhista. Em áudio obtido pela Coluna, Lula avisa aos sindicalistas: "Nós temos que explicar para a 'peãozada' o que está acontecendo nesse país. Ele (peão) tem que saber a 'trolha' que ele está tomando (...) Ele tem que saber que o que ele conquistou não é de graça. Quem é que vai gritar para essa gente se não formos nós?".

Discurso...

Lula investe no discurso da esperança, como em 2002: "A gente vai ter que utilizar o nosso aprendizado para que a gente recupere os direitos que os trabalhadores merecem".

...da esperança

"É na desgraça, é no infortúnio que a gente cresce", bradou Lula, para ouvir o 'olê, olê, olé.. olá, Lula lá' dos sindicalistas.

Parceiro

Condenado a nove anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o ex-presidente confraternizou com o ex-deputado José Genoino, também presente.

O voo...

Filho do presidente do Partido da República, o detento Antônio Carlos Rodrigues, Eduardo de Henry Rodrigues está lotado em gabinete ligado à presidência da Infraero, como assessor II. Foi admitido em setembro de 2016. É sócio de empresa com capital milionário. Eduardo não quis papo, e a assessoria da estatal lavou as mãos.

...do herdeiro

Não é demérito, mas soa estranha a presença do filho de Antonio Carlos na cúpula da estatal diante do atual cenário em que a Infraero deixa de privatizar o Terminal de Congonhas (SP) por causa da influência de Valdemar da Costa Neto no aeroporto. Valdemar é o 'dono' do PR.

Ah, promotor...

Promotor de Meio Ambiente e secretário de Educação do governo de Amapá, Moisés Ricardo foi preso na operação da PF contra exploração e comércio ilegais de ouro em minas da região. Isso mesmo, promotor e secretário de Educação.

Tão perto...

A Federação Nacional dos Policiais Federais apadrinhou discretamente Fernando Segovia no cargo de diretor da PF e nunca esteve tão perto da cúpula da corporação, tradicionalmente controlada por delegados. O vice-presidente da Fenapef, Flávio Werneck, assegura que não "há possibilidade de ingerência política na Lava Jato".

...tão longe

Werneck chama de "ilações" as vinculações políticas do novo DG com o PMDB. O policial lembra que ex-diretor Leandro Daiello fora nomeado pelo então ministro José Eduardo Cardozo (PT) e "nem por isso a PF deixou de fazer seu trabalho".

Apito alto

Demissão sumária de funcionários, suspeita de intimidações e uma ordem de pagamento de quase R$ 10 milhões, sem respaldo técnico, deixaram o diretor de Administração da Funai, Francisco José Nunes Ferreira, mais ainda na mira do Palácio do Planalto.

Grita também

A Associação Nacional dos Servidores da Funai soltou nota questionando as ações do diretor. Apadrinhado pela bancada ruralista, Francisco Ferreira aprovou pagamento de R$ 9.968.936,82 para o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia.

Na moita

O dinheiro será para "estudo metodológico de sistematização de informações e dados primários e secundários que suportem acesso em tempo real por parte da FUNAI". Mas a decisão foi monocrática, sem consulta a outras diretorias e à cúpula da entidade.

Ponto Final

A Reforma Trabalhista é necessária para destravar a economia do país mas vinda de um governo muito impopular, foi um presente eleitoral para Lula.

Comentários