A atriz Leah Remini, ex-membro da Cientologia, apresenta a série - Miller Mobley/Divulgação
A atriz Leah Remini, ex-membro da Cientologia, apresenta a sérieMiller Mobley/Divulgação
Por

Vencedora de um prêmio Emmy em 2017 como Melhor série Informativa/Especial, 'Escravos da Cientologia' chega à sua segunda temporada, hoje, às 20h50, no canal pago A&E. Comandado pela atriz Leah Remini, o programa traz novos depoimentos de ex-membros da Cientologia, que tiveram suas vidas afetadas pela prática dessa igreja.

Nesta temporada, a série acompanha Leah Remini, que deixou a instituição em 2013, e o também ex-membro da Cientologia Mike Rinder, enquanto apresentam histórias de abuso, angústia, extorsão e assédio, vividas por pessoas que abandonaram a instituição.

"Após a primeira temporada, recebemos uma quantidade tremenda de apoio, para nós e todos os valentes participantes que contaram suas histórias. A partir disso, Mike e eu nos reunimos com advogados e autoridades, e esperamos que algo seja feito e que finalmente tenhamos justiça", diz Leah Remini.

O programa mostra casos de suicídios, a experiência de ter crescido na organização paramilitar da igreja (The Sea Organization - A Organização do Mar) e o depoimento terrível da vivência do cineasta Paul Haggis ('Crash', 'Menina de Ouro') na instituição.

Você pode gostar
Comentários