Empresas de grande porte devem aderir ao eSocial em janeiro

Sistema unificado do Governo Federal vai reunir informações sobre funcionários

Por ASSINATURA REPÓRTER

Deputado Paulo Maluf vai ficar em ala para idosos na Papuda
Deputado Paulo Maluf vai ficar em ala para idosos na Papuda - TIAGO QUEIROZ / ESTADÃO

As empresas de grande porte com faturamento superior a R$ 78 milhões anuais são obrigadas a aderir ao Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) a partir de janeiro de 2018.

Por meio do sistema, os empregadores passarão a comunicar ao Governo Federal, de forma unificada, as informações relacionadas aos trabalhadores, como vínculos, contribuições previdenciárias, folha de pagamento, comunicações de acidente de trabalho, aviso prévio, escriturações fiscais e informações sobre o FGTS.

O acesso ao eSocial deve ser feito com o Certificado Digital, que pode ser obtido no site https://portal.esocial.gov.br/. Ele garante autenticidade, confidencialidade e segurança às informações prestadas. Demais empresas privadas, incluindo Simples, MEIs e pessoas físicas que possuam empregados, devem aderir ao eSocial em julho de 2018.

Mas elas podem antecipar o envio de informações para janeiro. Para tanto, os empresários devem entrar no Portal eSocial até hoje e assinalar a opção de antecipação para envio dos dados. "Como todas as empresas deverão aderir ao sistema, é imprescindível que façam um planejamento para seguir o calendário do Governo", diz Mauricio Balassian, diretor da Serasa Experian.

Comentários