Bruno Silva com os dois pés no Cruzeiro

Clube mineiro aceita pagar mais e inclui o atacante Roni

Por O Dia

Mineiro, Bruno Silva deve vestir a camisa do Cruzeiro a partir de 2018
Mineiro, Bruno Silva deve vestir a camisa do Cruzeiro a partir de 2018 - Vitor Silva / SSPress / Botafogo

A negociação de Bruno Silva com o Cruzeiro está praticamente concluída. A diretoria do clube mineiro aceitou as condições impostas pelo Botafogo, que pediu R$ 4 milhões à vista R$ 1 milhão a mais do que o oferecido inicialmente , além da cessão por empréstimo do atacante Roni, que também terá parte dos direitos vinculados ao Alvinegro.

Atualmente no futebol japonês, o jogador ainda vai passar por exames médicos e precisa acertar as bases salariais com o Botafogo. O vínculo dele com o Albirex Niigata termina no dia 1º de janeiro, mas há uma cláusula que permite a renovação até 2019, quando se encerraria o contrato com a Raposa.

Por isso, é provável que os japoneses exijam compensação financeira dos mineiros para liberá-lo ou a cessão de outro atleta. O Botafogo tem contrato com Bruno Silva até o fim de 2018 e é dono de 40% dos direitos do volante.

O clube carioca tem outro atacante em vista: Rodolfo, de 25 anos, que pertence ao Capivariano e jogou a Série B do Brasileiro pelo Boa Esporte. Ele marcou dez gols na competição num total de 30 partidas.

Comentários

Últimas de Esporte