Fred pode vestir a camisa 9

Ex-Flu, hoje no Atlético-MG, atacante entra na mira da diretoria para ocupar a vaga deixada pelo peruano Guerrero

Por O Dia

Fred, atacante Atlético-MG, em jogo contra o Joinville
Fred, atacante Atlético-MG, em jogo contra o Joinville - BRUNO CANTINI / ATLÉTICO MG

Com Fred na mira, o Flamengo pode encontrar, em um antigo adversário, a solução para o seu maior problema. O atacante, ex-jogador e ídolo do Fluminense, está na lista da diretoria do Rubro-Negro de possíveis substitutos para Guerrero. Uma proposta já teria sido enviada ao novo presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara.

A diretoria e a comissão técnica do clube mineiro ainda vão se reunir para tomar uma decisão e avaliar os dois fatores que equilibram a balança. Resta saber o que pesará mais no fim das contas, entre a liderança, inclusive técnica, do atacante e seu alto salário.

Para o centroavante, a vida em Belo Horizonte vai muito bem. Mineiro, Fred está mais perto da família, que ainda vive em Teófilo Otoni, sua cidade natal. Além disso, ele será pai novamente.

Fred já enfrentou o Flamengo 20 vezes, desde que trocou o América-MG pelo Cruzeiro, em 2004. Venceu seis, empatou nove e perdeu cinco tendo um aproveitamento de 45%. Se a presença do jogador não é garantia de bom resultado para seus times diante do Rubro-Negro, o atacante costuma, pelo menos, deixar a sua marca. Foram nove gols, quase um a cada duas partidas média de 0,45 por confronto.

Caso a negociação se concretize, não será a primeira vez, na história recente, que o Flamengo aposta num ex-ídolo do rival das Laranjeiras. Em 2011, Thiago Neves brilhou ao lado de Ronaldinho Gaúcho na conquista invicta do Carioca e na campanha pelo Brasileiro que levou o Rubro-Negro à Libertadores.

Já este ano, Conca chegou para se recuperar de uma cirurgia no joelho e, depois, ajudar a comandar o time na temporada. O argentino, porém, atuou por somente 27 minutos, divididos por três partidas, e vai voltar para o Shangai SIPG, da China.

Outros atacantes também estão no radar até o espanhol Fernando Torres teria sido oferecido. A ideia é contratar pelo menos um centroavante e um jogador que atue pelos lados do campo. Isso porque, além da suspensão de Guerrero imposta pela Fifa, há também a situação de Berrío, que só volta a jogar em junho.

Comentários

Últimas de Esporte