Atacante uruguaio entra na mira do Rubro-Negro

Diretoria estuda a contratação de Jonathan Álvez, artilheiro que está no Equador

Por O Dia

Carli. Botafogo x Barcelona EQU, pela Taca Libertadores da America no Estadio Nilton Santos. 02 de Maio de 2017, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.
Carli. Botafogo x Barcelona EQU, pela Taca Libertadores da America no Estadio Nilton Santos. 02 de Maio de 2017, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo. - Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Embora espere a conclusão do processo de doping de Guerrero, a diretoria do Flamengo estuda a contratação do uruguaio Jonathan Álvez, de 29 anos, do Barcelona de Guayaquil. O centroavante, numa primeira avaliação, se encaixa no orçamento do clube e apresenta uma boa relação de custo-benefício ele receberia, no seu atual time, cerca de R$ 1,5 milhão por temporada, enquanto Guerrero, no Rubro-Negro, terá recebido, ao fim dos três anos de contrato, R$ 40 milhões (R$ 600 mil de salário mensal, mais luvas).

O atacante tem contrato até 2019 com o time equatoriano, cujos dirigentes afirmam, à imprensa local, custar US$ 5 milhões (16,6 milhões). O valor é salgado, mas a diretoria rubro-negra espera conseguir reduzi-lo na base da barganha.

Nos números, o jogador uruguaio parece valer o investimento. Principalmente se os dados forem confrontados com os do camisa 9 peruano. Este ano, Jonathan Álvez marcou 26 gols em 41 jogos média de 0,63 por jogo. Já com Guerrero, o índice cai para 0,45 balançou as redes 20 vezes em 44 partidas. Só pela Libertadores, o atacante do Barcelona marcou seis em dez compromissos.

Os dois se assemelham no quesito disciplinar. Guerrero recebeu 13 cartões amarelos em 2017, em jogos pelo Flamengo, mas nenhum vermelho. Jonathan Álvez, embora tenha sido advertido menos vezes com o amarelo apenas seis , foi expulso em três oportunidades.

Se o recorte isolar apenas o segundo semestre, vira goleada do uruguaio. Os dois centroavantes disputaram 23 partidas pelos seus respectivos clubes. Guerrero, porém, fez apenas sete gols, contra 17 de Álvez. Resta saber se as negociações vão avançar. Santos e Corinthians também têm interesse no atacante.

Comentários