O moço da foto é Carlos Santana, que, naquele dia, 20 de outubro de 1973, faria a única apresentação no Rio com seu conjunto, formado com mais sete pessoas, no Maracanãzinho. Desconhecido até sete anos antes, o músico nascido no México virou sucesso depois de uma apresentação no Fillmore, casa de espetáculo em São Francisco, nos EUA; a turnê que passou pelo Brasil, seguiria para mais quatro países da América Latina. - Arquivo O DIA
O moço da foto é Carlos Santana, que, naquele dia, 20 de outubro de 1973, faria a única apresentação no Rio com seu conjunto, formado com mais sete pessoas, no Maracanãzinho. Desconhecido até sete anos antes, o músico nascido no México virou sucesso depois de uma apresentação no Fillmore, casa de espetáculo em São Francisco, nos EUA; a turnê que passou pelo Brasil, seguiria para mais quatro países da América Latina.Arquivo O DIA
Por
Publicado 11/12/2017 18:28 | Atualizado há 3 anos

O moço da foto é o guitarrista Carlos Santana, que, naquele dia, 20 de outubro de 1973, faria a única  apresentação no Rio com seu conjunto, formado com mais sete pessoas, no Maracanãzinho. Desconhecido até sete anos antes, o músico nascido no México virou sucesso depois de uma apresentação no Fillmore, casa de espetáculo em São Francisco, nos EUA; a turnê que passou pelo Brasil seguiria para mais quatro países da América Latina.

Você pode gostar
Comentários