Que venha 2018!

Por Nilo Sergio Felix Secretário estadual de Turismo e presidente do Conselho Estadual de Turismo

opina29dez
opina29dez - arte

Quando assumimos a Secretaria de Estado de Turismo, em janeiro de 2015, lançamos nosso mantra: o projeto Rio 3. Um guia, em português, inglês e espanhol, que apresenta roteiros e fotos, além de centenas de dicas, para o turista que deseja conhecer o interior nos destinos localizados a até três horas de distância da capital. Já foram distribuídos 36 mil exemplares em eventos de promoção nacional e internacional.

Para ampliar a sintonia entre os setores público e privado, realizamos os Fóruns Regionais de Fortalecimento do Turismo. Este ano estivemos em dez regiões turísticas, abrangendo 85 municípios. Nos Fóruns, é entregue o Manual de Apoio Técnico aos Secretários e Dirigentes de Turismo do Estado do Rio, um instrumento de apoio à organização, estudos e estruturação do setor local.

Nesses encontros, constatamos que a qualificação profissional era uma das principais carências. A Setur-RJ fez então a ligação entre o Ministério do Turismo e os municípios do interior para inscrever 53.826 candidatos nos cursos gratuitos do Pronatec. Esse contingente significa integração ao mercado de mão de obra qualificada. Só na rede hoteleira do interior existem 38 mil quartos que geram mais de 70 mil empregos.

Outra grande conquista foi a transformação turística da Baixada Fluminense em Baixada Verde, que simboliza mais identidade da região com o turista nacional e internacional. Estudos comprovam que 11% dos mais de dois mil km² de território ambientalmente conservado da Área Metropolitana do Rio estão nesse território. A intenção é chamar a atenção dos visitantes para a enorme quantidade de reservas e parques, ricos em diversidade de fauna e flora.

Um programa de sucesso, reconhecido pelas prefeituras do interior, é o Estágio de Familiarização, iniciado em maio, que consolida um intercâmbio dinâmico entre a Setur-RJ e os gestores do turismo do interior, uma vez que os traz à nossa sede para que vivenciem um dia de conhecimento em todas as diretorias. O objetivo é nivelar o conhecimento dos secretários municipais sobre as políticas federal e estadual de turismo. Até agora, 40 municípios já participaram da ação.

O Programa de Artesanato do Estado veio para a nossa Secretaria em julho de 2016, fortalecendo a ligação entre artesanato e turismo. Desde então, quarenta municípios receberam a ação do cadastramento, totalizando 10.643 artífices. O documento de identificação profissional já foi entregue a 4.768 artesãos, de 30 cidades. O projeto da Feira Rio Turismo & Artesanato já está inserido no calendário Rio de Janeiro a Janeiro, com a proposta de divulgar em escala nacional o trabalho manual e os atrativos do estado.

Todos os projetos e ações terão continuidade no próximo ano, além de outros já acertados, em parcerias com o setor público e privado da atividade turística. Tenho certeza que 2018 será um ano de grandes conquistas para o desenvolvimento do Turismo.

Quando o turismo do Rio de Janeiro cresce, o Brasil cresce junto!

Galeria de Fotos

Nilo Sérgio Felix, secretário estadual de Turismo, colunista do DIA Divulgação
opina29dez arte

Comentários

Últimas de Opinião