Lesões leves: Fiquem atentos aos sinais

E o que fazem os pets que não falam?

Por

LESÃO. Fiquem atentos aos sintomas das lesões leves
LESÃO. Fiquem atentos aos sintomas das lesões leves -

Sentir dor é horrível. Mas conseguimos reclamar dela. E o que fazem os pets que não falam? Eles passam a andar diferente sem apoiar o membro no chão evitam certas posições, como abaixar para fazer as necessidades ou levantar a pata para urinar. Podem ainda ter dificuldade para se levantar e apresentar alterações de humor, como falta de disposição e agressividade. Essas reações são para 'proteger' a parte afetada do corpo. As explicações são do veterinário Julio Arruda, ortopedista do Hospital Popular de Medicina Veterinária de Padre Miguel, no Rio.

Segundo ele, as alterações ortopédicas mais comuns em animais são fraturas e luxações, artroses, lesões ligamentares e doenças do disco intervertebral. As agudas ou graves geralmente são em virtude de trauma - queda ou acidente - e necessitam de tratamento imediato e cirúrgico. Já lesões menos graves, como torções, luxações e degenerações articulares, de caráter progressivo, podem ser tratadas com anti-inflamatórios, analgésicos, acupuntura e fisioterapia.

E Julio alerta: ao menor sinal de que o animal precisa de tratamento, leve-o ao veterinário ortopedista. A demora no cuidado pode deixá-lo com sequelas dolorosas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários