Militar terá mudanças na aposentadoria

Por O Dia

Ao ser questionado sobre o fato de os militares não estarem na Reforma da Previdência, Dyogo Oliveira respondeu que o governo negociará mudanças na aposentadoria das Forças Armadas, após a votação da PEC 287 no Congresso.

"Os militares têm uma situação diferenciada, porque eles sempre têm que estar à disposição do país", alegou.

O ministro reafirmou ontem que o governo Temer lutará "continuamente e diariamente" pela votação e aprovação da reforma. Ele descartou a hipótese de a votação ficar para novembro e enfatizou que os esforços são para a análise da matéria em fevereiro. "Não trabalhamos com hipótese de votar Previdência em novembro", afirmou Oliveira.

Comentários

Últimas de Economia