Desfigurado, time volta a treinar

Abel tem desafio de comandar um grupo que perdeu dez jogadores

Por O Dia

Abelão: time é um mistério
Abelão: time é um mistério - NELSON PEREZ / FLUMINENSE F.C.

O Fluminense se apresenta hoje para iniciar a temporada de 2018 em um clima de total desconfiança. Sem dinheiro e com dificuldade para contratar, os tricolores terão duas novidades o volante Jadson e o lateral direito Gilberto em um elenco que perdeu dez jogadores que fizeram parte da decepcionante campanha do Brasileiro de 2017. E ainda há outros nomes que podem sair.

No primeiro dia de trabalho, dedicado a exames e avaliações físicas, Abel Braga já não terá Wendel, que está muito perto de assinar com o Sporting. em entrevista a uma rádio portuguesa, o treinador deu como quase certa a negociação e o volante viaja hoje a Lisboa.

Além do volante, Wellington negocia com o Internacional, enquanto Marlon depende de um acordo entre Criciúma e Fluminense para permanecer em 2018. Após perder a prioridade na compra do lateral por não ter dinheiro, o Tricolor tenta renovar o empréstimo até o fim do ano. E ainda há a situação de Gustavo Scarpa.

Apesar de ter sido utilizado como moeda de troca, o apoiador continuará num primeiro momento, já que não houve acordo entre Fluminense e Corinthians, São Paulo e Palmeiras, clubes que mostraram interesse.

Assim, Abelão terá de se virar para montar o time. Três titulares já não fazem parte do grupo (Cavalieri, Henrique e Lucas). O artilheiro do Brasil em 2017, Henrique Dourado, é o principal nome.

Comentários

Últimas de Esporte