Maraca pode ficar fora de decisões

Por O Dia

Apesar de contar com o Maracanã para os jogos decisivos, o Carioca corre o risco de não tê-lo na final da Taça Guanabara e nas semifinais da Taça Rio por causa de shows marcados. Por isso, a federação entrou na Justiça contra a concessionária que administra o estádio para tentar garantir o seu principal palco. Se não conseguir, o Nilton Santos é a alternativa.

Com um show marcado para o dia 22 de fevereiro e outros dois no dia 25, no Maracanã, a Ferj teme que a final da Taça Guanabara, dia 18, não possa ser realizada no estádio por causa do tempo necessário para a montagem do palco.

Já as semifinais da Taça Rio (21 e 22 de março) com certeza não poderiam acontecer no Maracanã, pois há um show marcado para o dia 21. O que pode atrapalhar até mesmo a final do segundo turno (dia 25) por causa da desmontagem e do estado do gramado.

"Fomos pegos de surpresa, existe uma incógnita e por esse motivo ajuizamos uma ação contra o Maracanã em dezembro para garantir que esses jogos sejam lá. Vamos esperar o judiciário voltar do recesso", disse Rubens Lopes.

Comentários

Últimas de Esporte