Encontrado idoso que desapareceu no Réveillon em Copacabana

José Augusto Mendonça Viana, 65 anos, sofre de Mal de Alzheimer e estava em uma estação do VLT no Centro

Por O Dia

José Augusto Mendonça Viana, de 65 anos, desapareceu no Réveillon em Copacabana
José Augusto Mendonça Viana, de 65 anos, desapareceu no Réveillon em Copacabana - Divulgação

Rio - O idoso que desapareceu no meio da multidão do Réveillon de Copacabana, na Zona Sul, foi encontrado na manhã desta terça-feira. José Augusto Mendonça Viana, de 65 anos, que sofre de Mal de Alzheimer, estava em uma estação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) no Centro do Rio. 

De acordo com a delegada Elen Souto, titular da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), ele foi encaminhado para a especializada e já está na companhia da família. José Augusto Mendonça Viana estava com a família entre a Avenida Atlântica e a Rua Santa Clara, por volta de 0h30, quando se perdeu na multidão.

O idoso que desapareceu no meio da multidão do Réveillon de Copacabana, na Zona Sul, foi encontrado na manhã desta terça-feira. José Augusto Mendonça Viana, de 65 anos, que sofre de Mal de Alzheimer, estava em uma estação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) no Centro do Rio.

De acordo com a delegada Elen Souto, titular da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), ele foi encaminhado para a especializada e já está na companhia da família. José Augusto Mendonça Viana estava com a família entre a Avenida Atlântica e a Rua Santa Clara, por volta de 0h30, quando se perdeu na multidão.

 

Galeria de Fotos

José Augusto Mendonça Viana, de 65 anos, desapareceu no Réveillon em Copacabana Divulgação
José Augusto Mendonça Viana (camisa branca), 65 anos, com policiais da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) Divulgação

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro