Polícia prende suspeito de ataque que matou PM em Macaé

O criminoso, conhecido com "Renan Café" ou "Cafetão", é suspeito de chefiar o trafico na comunidade Nova Holanda, na região, e foi preso em Rio das Ostras

Por O Dia

Ameaça do tráfico no Lagomar 2C, em Macaé
Ameaça do tráfico no Lagomar 2C, em Macaé - reprodução

Rio - Uma operação da Polícia Militar com a Polícia Federal prendeu, na noite desta sexta-feira, um dos suspeitos de orquestrar o ataque que vitimou o cabo da PM José Renê Araújo Barros, de 35 anos, na terça-feira na localidade Lagomar, em Macaé. O criminoso, conhecido com "Renan Café" ou "Cafetão", é suspeito de chefiar o trafico na comunidade Nova Holanda, na região, e foi preso em Rio das Ostras.

Cafetão já tinha mandado em aberto por tráfico de drogas e é um dos suspeitos de articular as ações que vitimaram o PM do 32°BPM durante confronto com criminosos. Com informações do Disque Denúncia da Policia Federal, o criminoso foi localizado e capturado em uma casa no bairro Âncora, em Rio das Ostras.

Segundo o comando do 32ºBPM, com a prisão desse criminoso e de seus comparsas anteriormente, foi desarticulada a liderança da facção criminosa que atuava na comunidade da Nova Holanda, em Macaé.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro