Vaquinha para desfile de bloco

Por O Dia

Criado em 2001 para promover a integração social de pacientes de saúde mental com a festa de Momo, o bloco Loucura Suburbana lançou uma campanha de arrecadação de recursos para garantir o desfile deste ano. O grupo, que começou com 200 seguidores, atrai, em média, mil foliões pelas ruas do Engenho de Dentro na quinta-feira anterior ao Carnaval. Seu lema é a luta contra o enclausuramento de pessoas em hospícios.

As doações, a partir de R$ 10, podem ser feitas no site www.catarse.me/loucurasuburbana até o dia 7 de fevereiro. A meta é arrecadar R$ 15 mil. Segundo os organizadores, a quantia representa um quarto dos custos necessários para o bloco sair. Até ontem, 93 pessoas tinham colaborado, somando R$ 5,4 mil.

A psicóloga Ariadne Mendes, coordenadora do bloco, explicou que o grupo sofreu dificuldades para obter patrocínio este ano devido ao contexto de crise econômica do país. Segundo ela, o projeto, que também oferece oficinas para pessoas com deficiência em um ponto de cultura na sede do Instituto Municipal Nise da Silveira, no mesmo bairro, foi afetado pelo fim dos editais públicos de fomento nas áreas de cultura e saúde.

"Vamos sair de qualquer jeito. Temos esperança de conseguir o valor e tem fornecedor já diminuindo preços", contou Ariadne. O desfile será no dia 8 de fevereiro, com concentração às 16h no Instituto Nise da Silveira.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro