Cuidados necessários na hora de comprar um carro seminovo

Internautas esclarecem dúvidas no Facebook do Dia com profissionais da Robmar Veículos

Por O Dia

Rio - Na última transmissão ao vivo pelo Facebook, a equipe do foi debater sobre o universo dos seminovos com a equipe da Robmar Veículos. Em meio a um mercado aquecido, o objetivo foi esclarecer as principais dúvidas de internautas e possíveis clientes com Alan Oliveira e Marcelo Lopes, da administração da concessionária.

O primeiro ponto debatido foi o que verificar na hora de escolher um seminovo. “É fundamental verificar a idoneidade da loja, para saber se os carros têm bons antecedentes, se são de boa procedência, qual é o nível de originalidade do veículo. Aqui na Robmar, os carros são vistoriados e revisados, com garantia para o cliente”, comentou Alan.

Empresa tem setor para fazer perícia no carro. E%2C se necessário%2C encaminhá-lo para uma revisãoDivulgação

Questionado sobre o procedimento para assegurar o produto, completou: “Todo carro que chega aqui passa por uma perícia para verificar a sua integridade, para que os nossos negócios sejam feitos com segurança”.

Na avaliação de um seminovo, Marcelo esclareceu que “a quilometragem é o melhor indicador para adquirir um veículo seminovo”. O diretor explicou, ainda, que um carro pouco usado deve ter suas partes novas. Entretanto, um carro que rodou não é, necessariamente, ruim. “Mas tem que ser bem cuidado, ter manutenção”, advertiu.

E é exatamente sobre as questões relacionadas com o cuidado do carro que a conversa rendeu boas discussões. Alan contou como a loja procede quando adquire um carro para revenda que esteja com a revisão pendente. “Quando não está feita e dentro da garantia, nós mandamos imediatamente para a concessionária para revisar. Após os 10 mil quilômetros, fora da garantia de fábrica normalmente, temos oficinas especializadas”, disse. Ele ainda garantiu que, em caso de pane de algum carro comprado na loja, o cliente pode receber outro veículo temporariamente.

Um outro detalhe que preocupa os consumidores que se manifestaram durante o ‘live’ é a documentação. Na Robmar, há um departamento para lidar com todas as questões burocráticas, assim como os assuntos relacionados com a pré-venda. “A Robmar acompanha todo o processo de transferência”, garantiu Alan.

Com cerca de 250 carros no estoque, a loja oferece veículos dentro de todos os segmentos, de necessidades distintas. Quatro exemplos foram explorados no ‘live’: dois do segmento mais popular do Brasil, o de hatches compactos, um modelo apropriado para o Uber e um carro que atenda bem uma família.

FINANCIAMENTO

Modalidade mais comum na hora de comprar um seminovo, Marcelo explicou como este tipo de operação ocorre na Robmar. “O financiamento é feito mediante análise do CPF do cliente, para então ser indicada a financeira”, contou.

Todas as operadoras regulares estão disponíveis na loja. Por fim, o diretor esclareceu como o comprador pode obter melhores taxas de crédito: “É questão de histórico atrelado ao CPF. Aqueles que têm bom histórico de pagamento de suas contas, terão as melhores oportunidades”. A Robmar tem planos, inclusive, sem entrada.

Últimas de Automania