Mês dedicado à atenção com o trânsito

Autoescola dá dicas de ações de prevenção. Em 2016, quase 37 mil pessoas foram vítimas de acidentes no estado do Rio

Por O Dia

Rio - Este mês abriga o movimento ‘Maio amarelo’, voltado para iniciativas de prevenção de acidentes de trânsito. Em todo o mundo, o número de lesões e mortes é alto. Segundo dados do Detran e do Instituto de Segurança Pública do Rio (ISP-RJ), 36.726 pessoas foram vítimas (entre feridos e mortos) nas estradas e ruas do estado do Rio só no ano passado. A autoescola para habilitados ‘Dirigindo Bem’ aproveita a ocasião para compartilhar sugestões de boas práticas, além de como se comportar em rodovias quando o condutor está ao volante.

Ações preventivas%2C como uso do cinto%2C obedecer limites de velocidade%2C planejar longas viagens com antecedência e evitar consumo de bebidas alcoólicas são fundamentaisReprodução Internet

Ainda que tais condutas sejam elementares, o diretor da autoescola Sérgio Santos faz questão de enumerar algumas delas, como uso do cinto de segurança, crianças em assentos específicos (as cadeirinhas) de acordo com a idade, obediência aos limites de velocidade, dar passagem ao pedestre, atenção ao dirigir, planejar longas viagens com antecedência, fazer a manutenção do carro, manter o estepe e o macaco do automóvel em condições adequadas de uso.

O que não deve ser feito, Sérgio considera ainda mais importante enfatizar. “O motorista não deve beber e dirigir e o passageiro não deve embarcar em um carro com um motorista que tenha bebido ou usado drogas”, orienta o especialista.

Para quem vai dirigir, o diretor de autoescola ainda dá outros alertas: “Não suponha que os demais motoristas adivinharão as suas ações, portanto sinalize. Não deixe o som do carro alto a ponto de atrapalhar os outros, não use o celular ao volante, não faça outras atividades enquanto dirige como comer ou passar maquiagem. Procure controlar emoções enquanto está ao volante, dirigindo somente se estiver tranquilo. Não se envolva em brigas e não deixe objetos de valor no carro”.

Diretor da autoescola Dirigindo Bem%2C Sérgio Santos%2C dá orientações para termos um trânsito mais saudávelDivulgação

Cuidados na estrada

Além disso, o diretor da Dirigindo Bem reforça alguns aspectos para quem está nas rodovias. Por exemplo, se alguém passa mal e não tiver um posto perto, a primeira orientação é manter a calma e parar o veículo no acostamento. Como se está na estrada, sempre existe um número de telefone para emergência. Portanto, ligue e explique o que está acontecendo para passar os direcionamentos do que fazer e ter um atendimento adequado. Mesmo que se saiba o número 192, é importante anotar o telefone de emergência de determinada via específica.

Caso não exista ou não tenha um telefone para contato em caso de imprevistos, siga com o automóvel dentro da velocidade da rodovia até um posto rodoviário ou de gasolina para obter orientações. Caso encontre uma cidade antes do posto, busque informação sobre um posto de socorro.

Detran-RJ colore a cidade

Em adesão ao movimento ‘Maio Amarelo’, o Detran-RJ vai pintar o Rio da cor neste mês como forma de chamar a atenção para os altos índices de acidentes no trânsito. O órgão também fará ações educativas em escolas e em pontos de grande concentração no período.
Entre alguns pontos que serão iluminados, se destacam o prédio-sede do departamento, na Avenida Presidente Vargas, além do Palácio Guanabara e Cristo Redentor.

De acordo com estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), no Brasil a taxa verificada no ano passado é de 23,4 mortes no trânsito para cada 100 mil habitantes. O país registrou ainda o quarto pior desempenho do continente, atrás apenas de Belize, República Dominicana e Venezuela — campeã de acidentes na região, com 45,1 mortes por 100 mil habitantes. Até 2030, a OMS estima que o número de mortos nas estradas em todo o mundo poderá chegar a 1 milhão por ano. 

Sede do Detran iluminada em amarelo é um meio de chamar a atenção para os acidentes de trânsitoDivulgação


Últimas de Automania