Suzuki lança a nova SV 650 A

Motocicleta traz como principal novidade novo sistema de partida fácil por toque do botão

Por O Dia

Rio - A Suzuki lança no Brasil a nova SV 650 A. Com aparência limpa e simples, custa R$ 32.470 e possui como principal novidade o sistema de fácil partida, apresentado pela primeira vez na GSX-S1000. Em vez de exigir que o motociclista mantenha pressionado o botão até que o motor ligue, demanda apenas pressioná-lo uma única vez. O gerenciador reconhece os sinais e mantém o motor de arranque trabalhando durante um certo tempo. A naked possui aplicação tanto para trafegar em sinuosas estradas de montanha, assim como nas movimentadas ruas da cidade.

Nova SV 650 A é equipada com motor bicilíndrico de 77 cv e 6%2C5 kgfm de torque. O câmbio associado é de seis velocidadesDivulgação

Sua propulsão fica a cargo do motor bicilíndrico de 645 cm³, refrigeração líquida, injeção eletrônica e DOHC, que proporciona 77 cv e 6,5 kgfm de torque. O câmbio associado é de seis velocidades. Segundo a Suzuki, o propulsor possui ainda mais de 60 peças e componentes redesenhados. O radiador é recém desenhado e dispõe de ventilador de arrefecimento.

Pilotagem quase vertical

A comunicação com o motociclista acontece por meio do quadro de instrumentos multifunções em LCD, que exibe informações importantes, como velocidade atual, velocímetro e conta giros digital. Baixo, o banco estreito da SV 650 A está posicionado a apenas 78,5 cm do solo, proporcionado uma posição de pilotagem quase vertical e facilitando o alcance dos pés no chão.

O chassi da SV 650 A preza por materiais leves, além de ser compacto, voltado para agilidade. O sistema de suspensão desta Suzuki é formado, na dianteira, por forquilha telescópica de 41 mm. E a traseira equipada com suspensão progressiva, de mola helicoidal. Já os freios, por sua vez, são compostos por disco frontal de 290mm, equipados com tecnologia ABS, e disco de frenagem traseiro de 240 mm.

Produzida no Brasil, a nova Suzuki SV 650 A possui garantia de um ano sem limite de quilometragem.

Últimas de Automania