Por ana.grabois

Rio - A Polícia Federal (PF) cumpre desde a manhã desta sexta-feira 23 mandados expedidos pela Justiça Federal, no âmbito da Operação Lava-Jato: dois de prisão temporária, seis de condução coercitiva e quinze de busca e apreensão, nas cidades de São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Macaé e Niterói. A ação é coordenada pela Superintendência da PF do Paraná. Agentes chegaram à paisana e em carros descaracterizados na sede da estatal, no Centro do Rio, onde estão desde o início da manhã.

Por meio dos mandatos, a PF busca documentos que auxiliem os trabalhos da investigação. O material arrecadado contribuirá para os relatórios finais dos inquéritos em andamento. Procurada, a Petrobras não se pronunciou.

Operação Lava-Jato

Deflagrada em 17 de março, a Operação Lava-Jato investigou esquema de lavagem de dinheiro e evasão de divisão envolvendo quatro doleiros de ampla atuação no país. A PF estima que a quadrilha movimentou mais de R$ 10 bilhões.

Você pode gostar