Operário morre eletrocutado em estádio da Copa de Cuiabá

Mohamed Ali Maciel é o nono operário morto em obras de arenas para o Mundial

Por O Dia

Um operário que trabalhava na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), estádio que vai receber jogos da Copa do Mundo, morreu eletrocutado, nesta quinta-feira, por volta do meio-dia, horário local.

Mohamed Ali Maciel, 32, aparentemente estava arrumando dutos de energia do corredor que vai para os camarotes quando sofreu uma descarga elétrica, segundo informou a assessoria de imprensa da Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo Fifa de Mato Grosso.

O operário sofreu uma parada cardiorespiratória e chegou a ser atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no próprio estádio, mas não resistiu. O corpo ainda está no local do acidente, onde está sendo feita a perícia.

Segundo a assessoria, Mohamed trabalhava para a Etel, empresa que faz parte do consórcio responsável pelas telecomunicações no estádio, e estava usando os equipamentos de segurança no momento do acidente. Apesar da morte, as obras continuam. Foram suspensos apenas os trabalhos na área onde aconteceu a morte.

Mohamed Ali Maciel é o nono operário morto em obras de estádios para a Copa do Mundo de 2014. Arenas localizadas em Brasília, Manaus e São Paulo também registraram mortes de trabalhadores.

A Arena Pantanal vai sediar a partida entre Chile e Austrália pelo Mundial de futebol, no dia 13 de junho.

Últimas de _legado_Notícia