Por marta.valim

A imprensa alemã chamou de vitória para a "eternidade" a goleada por 7 a 1 aplicada no Brasil na terça-feira, no Mineirão, nas semifinais da Copa do Mundo.

"Uma vitória para a eternidade!" - foi a manchete do jornal Bild, que chama de "Deus do futebol" o atacante Miroslav Klose, que com um gol marcado contra o Brasil se tornou o maior artilheiro na história da Copa do Mundo, com o total de 16, superando o brasileiro Ronaldo (15).

"7-1. Sem palavras!", destaca o Bild na primeira página da edição impressa, com uma foto de Kroos (autor de dois gols) abraçando Khedira.

O jornal consagra praticamente uma página para cada gol, todas acompanhadas por fotos: 1-0 Müller, 2-0 Klose, 3-0 Kroos e 4-0 Kroos (com meia página para cada um de seus dois gols), 5-0 Khedira, 6-0 e 7-0 Schürrle (uma página para os dois gols).

O gol de honra do Brasil, anotado por Oscar, não aparece no Bild, o jornal de maior circulação na Alemanha, o único que conseguiu incluir em sua edição impressa o resultado da semifinal, que terminou muito tarde no país.

O Bild inclui ainda várias fotografias dos torcedores alemães comemorando cada gol da Mannschaft.

"Argentina? Holanda? Não importa! Alemanha é a favorita" - publicou Die Welt em sua edição digital, em referência ao adversário da final no Maracanã, no próximo domingo.

"O milagre de Belo Horizonte já é legendário", acrescentou o jornal de Berlim.

"A seleção alemã jogou de maneira fascinante e venceu o Brasil por 7 a 1, os recordes chovem, os sonhos do anfitrião se diluem nas lágrimas", destacou Der Spiegel.

"A sétima maravilha do futebol!" - foi o título do Frankfuter Allgemeine Zeitung, ao lado de uma foto do meia Toni Kroos, autor de dois gols, e Miroslav Klose.

Você pode gostar