Petrobras não sabe quando vai pagar a participação nos lucros

Informação é do Sindicato dos Petroleiros do Estado do Rio de Janeiro (Sindipetro-RJ). Entidade iniciou vigília na sede da companhia, no centro da cidade, até que seja paga a PLR

Por O Dia

A Petrobras informou hoje (12), que não há previsão para o início das negociações com os empregados sobre o pagamento da participação nos lucros e resultados (PLR), referente a 2014, que ocorre normalmente até o dia 10 de janeiro de cada ano, segundo o diretor do Sindicato dos Petroleiros do Estado do Rio de Janeiro (Sindipetro-RJ), Edison Munhoz. A entidade iniciou vigília na sede da companhia, no centro da cidade, até que seja paga a PLR.

“A Petrobras se reuniu na última sexta-feira (9) com os sindicatos para tratar da participação nos lucros e resultados (PLR) de 2014. A empresa informou às entidades sindicais que ainda não há possibilidade de se iniciar as discussões sobre adiantamento da PLR, normalmente realizada em janeiro, em função de os resultados do terceiro trimestre de 2014 ainda não estarem disponíveis. Os resultados dos três primeiros trimestres do ano são base de cálculo para o adiantamento da PLR. Conforme já anunciado pela Petrobras, os resultados serão divulgados em janeiro, sem a revisão do auditor externo”, diz a nota.

Segundo a estatal, durante a reunião, os sindicatos pediram que a companhia antecipasse o pagamento da primeira parcela do 13ºsalário para janeiro, que é feito, em geral, no mês de fevereiro. “A companhia aceitou a solicitação dos sindicatos e enviou comunicado aos empregados nesta segunda-feira (12), confirmando o pagamento da primeira parcela do 13º salário no dia 19 de janeiro”, acrescentou a empresa.

Últimas de _legado_Notícia