CPI da Petrobras vai pedir exumação do corpo de José Janene

Membros da comissão dizem ter informação de que ex-deputado, apontado como mentor do esquema de corrupção na estatal, estaria vivo

Por O Dia

A CPI da Petrobras na Câmara vai pedir a exumação do corpo do ex-deputado José Janene (PP-PR). Membros da comissão dizem ter informações de que o ex-deputado estaria vivo e morando atualmente na América Central. A viúva do ex-deputado, Stael Fernanda Janene, será convocada para prestar depoimento à CPI.

O ex-deputado é apontado como responsável por organizar o esquema de corrupção na Petrobras, segundo depoimentos do doleiro Alberto Youssef. O ex-parlamentar fazia com que as cúpulas das siglas envolvidas fossem beneficiadas diretamente.

José Janene, que morreu em 14 de setembro de 2010, também era réu no processo do mensalão por suspeita de ter recebido R$ 4,1 milhões quando presidia o PP. O parlamentar era acusado de formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

O ex-deputado ficou internado por mais de um mês no Instituto do Coração (Incor) em São Paulo, recuperando-se de uma cirurgia. Na época do seu falecimento, o hospital divulgou uma nota à imprensa na qual explicava que a causa da morte do ex-deputado foi “em consequência de evolução de quadro de choque séptico”.

Últimas de _legado_Notícia