Por thiago.antunes
Brasília - O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo disse, nesta sexta-feira, que o ex-presidente Lula se comporta com “absoluta lisura” e que setores da oposição tem “interesses” em atingir a imagem do petista, a quem o ministro se referiu como “grande líder”. Cardozo afirmou que não faria referência à Operação Lava Jato.
“Não no âmbito da investigação, mas como pessoa que conhece o presidente Lula há muito tempo, eu sempre o tive como um grande líder, eu sempre o tive como uma pessoa que se comporta com absoluta lisura. Isso como testemunha de vida, e não de ministro”, afirmou. Cardozo disse ainda ter “absoluta convicção” de que a campanha eleitoral que reelegeu Dilma Rousseff em 2014 não recebeu “em nenhum momento” verbas “não contabilizadas”.