Por adriano.araujo, adriano.araujo
Rio - O Santuário Nacional de Aparecida abriu na última sexta-feira o primeiro museu de cera religioso do Brasil. Em um espaço de cerca de seis mil metros quadrados, o museu tem 60 imagens em tamanho real, que foram construídas por três ateliês especializados nos Estados Unidos, Inglaterra e França, e 20 cenários que remontam a história de Nossa Senhora Aparecida.
No acervo estão personagens dos primeiros milagres atribuídos à santa, papas, religiosos brasileiros e famosos que visitaram o Santuário, como o ex-jogador Ronaldo e o astronauta Marcos Pontes. Os 20 cenários que recontam histórias marcantes de devoção à Padroeira do Brasil, como a passagem de Dom Pedro I e as visitas de Getúlio Vargas e do Papa João Paulo II.
No acervo do museu estão personagens dos primeiros milagres atribuídos à Nossa Senhora AparecidaDivulgação

O empreendimento é do Grupo Dreams em parceria com o Santuário e deve ser inaugurado oficialmente no dia 22 de março. Na sexta-feira passada, o museu foi aberto em regime experimental para ajustes operacionais. Em 2015, o Santuário recebeu mais de 12 milhões de pessoas.

Antes de outubro, mês com grande fluxo de turistas em razão das homenagens a Nossa Senhora Aparecida, outras 20 peças em cera devem ser adicionadas ao acervo do museu, além de um cinema 3D .

Publicidade
“Estamos gravando um filme completamente do zero. A história de Nossa Senhora Aparecida será contada com uma nova tecnologia europeia que cria uma realidade incrível”, disse Cristiano Buerger Filho, que responde pelo Grupo Dreams em Aparecida. A ideia é que o público vivencie experiências sensoriais no cinema.
O espaço foi cedido pelo Santuário para a empresa Dreams Entertainment Group por 20 anos. A ideia é que o empreendimento seja explorado durante o período de concessão e depois seja repassado ao Santuário, que será responsável pela administração do museu. O Grupo Dreams tem 14 empreendimentos, entre museus de cera, carros antigos e motos em diversos pontos turísticos, como Gramado (RS), Foz do Iguaçu (PR) e, recentemente, em Cancun (México).