Jovem de 14 anos que estava desaparecida é achada morta, em Goiás

Estudante cursava o 9º ano do ensino fundamental e foi encontrada com três tiros

Por O Dia

Goiânia - Uma jovem de 14 anos que estava desaparecida desde o último dia 10, em Luziânia, município do entorno do Distrito Federal, foi encontrada morta com três tiros nessa segunda-feira em um lote vago da cidade. A Polícia Civil do estado investiga o crime.

A estudante Letícia Emanuele Ferreira Lemos, de 14 anos, desapareceu após sair de casa na tarde do dia 10 de janeiro para ir morar com um suposto namorado. De acordo com polícia, após o sumiço da vítima, familiares fizeram um boletim de ocorrência para registra o desaparecimento da adolescente. Ainda de acordo com a polícia, por desaprovar o namoro, da jovem, com um homem mais velho, ela teria saído de casa.

Letícia Emanuele Lemos%2C de 14 anos%2C foi achada morta em Luziânia%2C no entorno do Distrito Federal Reprodução Facebook

Após a denúncia do desaparecimento da menor, as buscas foram iniciadas e, na última segunda, a estudante já foi encontrada morta com marcas de tiros -- dois na cabeça e um no tórax. Segundo o delegado Eduardo Gomes, responsável pelo caso, todas as hipóteses são investigadas, mas existem duas linhas de investigação estão sendo apuradas.

De acordo com ele, a primeira suspeita é de que Letícia tenha sido vítima de um crime passional. A jovem estaria grávida do suposto namorado e ele não teria aceitado o fato. A segunda hipótese seria que a adolescente havia se envolvido em uma briga, com uma outra menina, em uma festa no sábado e por isso pode ter sido morta.

No sábado um primo da jovem teria visto ela na festa e teria chegado a conversar com Emanuele, que afirmou que estaria tudo bem. A Polícia Civil já ouviu moradores das proximidades onde o corpo foi encontrado, além de familiares da vítima. O suposto namorado da jovem está sendo procurado pelos agentes.

Últimas de Brasil