Jovens contrários à prisão de Lula são agredidos na manifestação em SP

O protesto reúne centenas de pessoas na noite desta quarta-feira contra o governo Dilma e o ministro Lula

Por O Dia

São Paulo - A manifestação na noite desta quarta-feira em São Paulo teve dois jovens contrários à prisão do presidente Lula agredidos. As informações foram divulgadas em vídeo da rádio CBN. Nas imagens, um rapaz com o rosto sangrando é cercado por um grupo de manifestantes e a namorada é agarrada por outro rapaz que participava do protesto. 

Segundo o jovem, que não foi identificado, ele estava sob o vão do Museu de Arte de São Paulo (MASP) quando um manifestante gritou no ouvido da namorada que Lula deveria ser preso. "Ela disse que não e eles começaram a bater nela", disse o rapaz. "Eles são muito loucos", disse a jovem aos prantos. 

O protesto reuniu centenas de pessoas na noite desta quarta-feira contra o governo Dilma e o ministro Lula. 


Últimas de Brasil