Estudante de engenharia é encontrado morto; corpo foi amarrado com jaleco

José Marcos fazia Engenharia Civil na Universidade Paulista (Unip); o caso foi registrado como homicídio

Por O Dia

Estudante universitário é encontrado morto Reprodução Facebook

São Paulo - O corpo de um estudante universitário foi localizado neste domingo, em Limeira (SP). José Marcos da Silva Santos, de 30 anos, estava em uma estrada rural amarrado com o jaleco da faculdade onde estudava. Ele fazia Engenharia Civil na Universidade Paulista (Unip) e seu corpo foi identificado somente nesta segunda-feira. O caso foi registrado como homicídio.

Seu carro, um Celta, foi localizado em uma rotatória no Jardim Aeroporto. Antes disso, segundo familiares, ele teria ido com amigos a um bar. E depois seguiu para levar uma amiga para casa A estrada onde estava o corpo fica na região do Jardim Lagoa Nova, perto de uma estância. O rapaz trabalhava como operador e residia no Jardim Santa Amália. Suas mãos estavam amarradas para trás com um moletom e as pernas, com o jaleco da faculdade.

O carro, que foi achado primeiro que o corpo, estava com uma roda danificada. Policiais ligaram para um parente buscar o veículo e o caso não foi registrado como crime naquele momento. A família alega que isso atrapalhou as investigações e questiona a ação da Polícia Militar. O corpo foi achado depois sem identificação e com sinais de violência e mandado para o Instituto Médico Legal.

A PM alega que realmente não havia suspeita de crime porque a família não teria comentado sobre o desaparecimento. O corpo do rapaz foi sepultado nesta segunda, no cemitério Parque de Limeira. A Polícia Civil abriu inquérito e investiga o caso.

Últimas de Brasil