Sucesso nas Compras: O valor dos presentes alternativos

É mais uma oportunidade para o varejo ampliar suas vendas, nesse momento de profunda retração da atividade econômica

Por O Dia

Rio - A cada ano o presente para a mãe fica mais importante no calendário de vendas do comércio brasileiro. Depois do Natal, Páscoa e Dia dos Namorados , o Dia das Mães é uma das datas mais importantes para o comércio brasileiro. É mais uma oportunidade para o varejo ampliar suas vendas, nesse momento de profunda retração da atividade econômica.

O varejo alimentar, em geral e, principalmente os supermercados estão cada vez mais se organizando com ofertas e oportunidades de promoções para esta data. <MC0>A expectativa do varejo é de um “Dia das Mães” com baixas vendas no setor de presentes mas com muitas ofertas, principalmente para uma comemoração familiar. <MC0>Por isso muitos varejistas estão apostando este ano nas “lembrancinhas”.


PERGUNTA E RESPOSTA

Sou casado e minha mãe mora comigo, minha esposa e meus filhos. Todo ano procuro dar sempre bons presentes para elas, tanto no Dia das Mães quanto no aniversário e Natal. Este ano está complicado pois estou desempregado e minha esposa está segurando as despesas da casa. Não posso gastar muito , mas não quero deixar de dar um presente legal para ela. Qual a sua dica?, Felipe Dias, Olaria

Este ano o presente do Dia das Mães deve estar mais “magrinho”. Com as vendas baixas , o alto índice de desemprego , a falta de confiança do consumidor estão dando “freio” nas vendas de bens duráveis e semi-duráveis .

Os eletro-eletrônicos estão mais caros devido à valorização do dólar. A expectativa do varejo é de um “Dia das Mães ” com baixas vendas no setor de presentes mas com muitas ofertas, principalmente para uma comemoração familiar.

Muitos varejistas estão apostando este ano nas “lembrancinhas”. Presentes mais simples ou simbólicos que caibam nos bolsos de todos, com valores em torno de R$ 50,00. Só que estamos falando de “mãe” e o que importa para elas não é o “preço” do presente e sim o seu “valor”.

Por isso, conhecer o perfil de sua mãe é fundamental para uma compra adequada. Com certeza um presente mais barato, mas com maior “representatividade”, tem mais “valor” do que um presente mais caro. Marque uma faixa de preço que você pode gastar aquilo que estiver ao seu alcance sem se endividar.  Se puder procure pagar a vista e pechinche, que você certamente vai achar muitas oportunidades. Com o dinheiro na mão você consegue maiores descontos. Não fique focado nos presentes corriqueiros como, roupas, calçados, perfumes, e celulares a não ser que ela realmente necessite de algo assim.

Fique junto dela nesta data, seja criativo e pense em presentes que você possa curtir com ela neste dia ou depois. Um passeio, um almoço em casa mesmo, ou jantar sem hora para terminar, levá-la a um cinema com o filme preferido dela ou a um teatro pode ser um presente sensacional e talvez até mais barato. Lembre-se que, mais do que dar presentes materiais, o importante é mostrar uma atitude de carinho com sua mãe , um gesto de amor, para que ela perceba realmente o quanto você gosta dela. Estes são os melhores presentes que alguém como ela pode e talvez até espera receber de você.

Marco Quintarelli é consultor do Grupo AZO

Últimas de Brasil