Por rafael.souza

São Paulo - A defesa do ex-ministro Guido Mantega disse que "não há o que recear", sobre o petista ter sido alvo na manhã desta segunda-feira, 9, de mandado de condução coercitiva a pedido da Operação Zelotes. "Ele não tem nada a esconder", afirmou o criminalista José Roberto Batochio.

LEIA MAIS:

Ex-ministro Guido Mantega é conduzido coercitivamente pela Operação Zelotes

Mantega indicou dois conselheiros para turmas do Carf, conselho que julga multas aplicadas a grandes contribuintes, que beneficiaram em votação o grupo Cimento Penha, do empresário Victor Sandri, de quem o ex-ministro é amigo pessoal.  Neste momento, Mantega está na sede da PF em São Paulo.


Você pode gostar