H1N1 faz 764 vítimas no país

A quantidade total de óbitos já é 47 vezes maior do que o registrado em todo o ano passado

Por O Dia

Brasília - As mortes decorrentes de infecções pelo vírus H1N1 no País chegaram a 764 casos. O número foi divulgado ontem pelo Ministério da Saúde representa um aumento de 85 registros em comparação ao dado publicado na semana passada. A quantidade total de óbitos já é 47 vezes maior do que o registrado em todo o ano passado, quando aconteceram 36 mortes.

Segundo o ministério, ao menos metade das vítimas do vírus tinha até 51 anos, sendo o mais velho com 93 anos. O maior número de óbitos aconteceu no Estado de São Paulo, que concentrou 45,7% dos casos. O Rio Grande do Sul (82), Paraná (54), Goiás (44) e Rio de Janeiro (36) foram outros estados com grande número de vítimas.

Últimas de Brasil