Helicóptero desaparece em São Paulo

Aeronave, com seis pessoas a bordo, perdeu contato na região do pedágio da Rodovia Bandeirantes na noite desse domingo

Por O Dia

São Paulo - A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros de Jundiaí, no interior de São Paulo, foram mobilizados na madrugada desta segunda-feira, para auxiliar a Força Aérea Brasileira (FAB) nas buscas de um helicóptero que está desaparecido desde domingo, com seis pessoas a bordo. A aeronave, um modelo Bell 407, seguia da capital para a cidade de Americana, na região de Campinas.

Bell 407 é o modelo do helicóptero desaparecido na manhã desse domingo Divulgação/Defesa Aérea Naval

A piloto decolou do Aeroporto de Congonhas às 8h07 de domingo e emitiu o último sinal de radar às 11h06. O helicóptero não chegou ao destino.

As equipes de Jundiaí, com apoio de um helicóptero da Polícia Militar, iniciaram as buscas na região da Serra do Japi. Outras equipes procuram vestígios da aeronave na região de Perus, próximo do km 30 da Rodovia dos Bandeirantes.

De acordo com o "Bom Dia Brasil", o helicóptero pertencia Alexandre Costa, fundador da Cacau Show, e do empresário Geraldo Vagner de Oliveira. De acordo com o telejornal, em nota, Costa informou que vendeu sua parte na aeronave para Oliveira, embora ainda não tenha recebido o valor de sua parte, nem alterado a documentação do veículo.

O pré-candidato à Prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno (PRB), afirmou em sua página no Facebook que amigos dele estavam no helicóptero e que ainda não havia recebido nenhuma notícia.

Últimas de Brasil