Michel Temer participa de inauguração da fábrica no Paraná

De acordo com a agenda oficial, Temer embarca às 10h para Telêmaco Borba (PR) e depois segue para Ortigueira. O evento está marcado para acontecer ao meio-dia

Por rafael.nascimento

Brasília - O presidente em exercício, Michel Temer, participa na manhã desta terça-feira, de inauguração da nova fábrica de celulose da Klabin, em Ortigueira, no Paraná. De acordo com a agenda oficial, Temer embarca às 10h para Telêmaco Borba (PR) e depois segue para Ortigueira. O evento está marcado para acontecer ao meio-dia. Após o evento, o peemedebista retorna para Brasília, com chegada prevista para as 15h20.

Hoje à tarde, após o retorno do evento, Temer havia agendado um evento no Palácio do Planalto para sancionar a lei das estatais. No entanto, ontem à noite, fontes ligadas ao presidente disseram que a sanção seria adiada para que fosse concluída a "análise jurídica" de pontos do texto aprovado pelo Congresso.

O governo já havia adiado por uma semana a cerimônia para contar com a presença de parlamentares e reforçar sua imagem de prestígio junto ao Congresso. Temer chegou a dizer que o projeto tem um caráter "altamente moralizador".

O texto deve ter alguns vetos mais técnicos. No entanto, segundo interlocutores de Temer, o presidente em exercício tem reiterado que respeitará "a essência" aprovada no Senado, justamente para não afrontar a decisão dos parlamentares.

Conforme mostrou o jornal O Estado de S. Paulo na segunda-feira, Temer está sofrendo pressões de senadores para garantir votos no julgamento do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. Os parlamentares estão aguardando a sanção da lei para dar continuidade nas indicações para cargos em estatais.

Na última sexta-feira, sem antecipar os pontos que devem ser barrados, Temer disse que ainda estudava o texto, mas que não faria vetos "a ponto de desnaturar o projeto". "Isso eu não vou fazer", disse ele. Até a cerimônia de sanção, que pode ocorrer na quarta-feira, os vetos ainda estarão sendo estudados.

Liderança no Congresso

Michel Temer formalizou nesta terça-feira, no Diário Oficial da União (DOU) a indicação da senadora Rose de Freitas para exercer a função de líder do governo no Congresso Nacional. Rose de Freitas é senadora do PMDB pelo Estado do Espírito Santo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia