Relator do recurso de Cunha na CCJ deve entregar parecer nesta segunda

Presidente afastado da Câmara questiona decisão do Conselho de Ética de aprovar a cassação de seu mandato

Por O Dia

Brasília - O relator do caso Eduardo Cunha na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) deve apresentar nesta segunda-feira o parecer sobre o recurso do presidente afastado da Casa. Inicialmente, Ronaldo Fonseca (Pros-RJ) tinha prazo até a última sexta feira, mas pediu mais tempo para analisar os documentos e conversar com assessores e técnicos parlamentares.

O deputado federal%2C Eduardo CunhaLula Marques/ Agência PT

Fonseca quer estudar ponto a ponto os argumentos de Cunha à CCJ, entre eles os relativos à garantia de ampla defesa e do contraditório.

Cunha questiona na comissão a decisão do Conselho de Ética, do último dia 14, de aprovar a cassação do mandato dele por 11 votos a nove.

O relator tem também se defendido das acusações de outros deputados que levantaram suspeição sobre o nome dele.

Acusam Ronaldo Fonseca de ser aliado de Cunha na Câmara e de ter interesse em favorecê-lo e citaram como exemplo um discuso feito por Fonseca em plenário, criticando o relator do processo no Conselho de Ética.

A CCJ deverá começar a análise desse relatório na próxima quarta-feira, às 10h. A previsão é de que haja um pedido de vista coletivo e, com isso, a votação fique somente para a próxima semana.

Últimas de Brasil