Por cadu.bruno

Rio - A força-tarefa Lava Jato se debruça sobre as movimentações bancárias e os extratos de investigados e presos pela operação para identificar o destino do dinheiro desviado da Petrobras e outras estatais. Entre os “laranjas”, estão familiares, amigos e muitos empregados domésticos de contraventores do Rio de Janeiro, São Paulo e Nordeste.

Da reserva

O chanceler José Serra começou a convocar os embaixadores aposentados para ocupar importantes embaixadas. Sérgio Amaral está confirmado para Washington.

Prévia

Isso explica a visita surpresa de cortesia, mês passado, da embaixadora dos Estados Unidos, Liliana Ayalde, à pequena Pirenópolis (GO), onde Amaral tem casa.

Pré-réu

A despeito de se tornar ou não réu no STF pela acusação de assédio sexual, o deputado Feliciano vê esvair sua chance de candidatura ao Senado ou a vice de chapa em 2018.

Mais cerco

Quatro deputadas federais do PT – Érika Kokay (DF), Ana Perugini (SP), Luizianne Lins (CE) e Margarida Salomão (MG) denunciaram Feliciano ao MPF sexta.

Vizinho mal visto

Moradores do prédio na Asa Sul – região nobre de Brasília - onde hoje mora o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a caminho da guilhotina, relatam que o parlamentar leva uma rotina discreta. “Nunca o vi, mas espero que ele seja cassado”, dispara uma funcionária pública, vizinha do político que ela chama de “bandido”.

O Poder

Uma coisa o atual chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, tem em comum com o ex-ocupante do cargo José Dirceu – preso no mensalão e na Lava Jato. Desde que assumiu o cargo, centraliza decisões e nomeações do primeiro ao terceiro escalão do governo.

Miso.. o quê ?

Entre os vários erros cometidos pela presidente afastada Dilma Rousseff ao longo do processo de impeachment, a nova versão de acusar os adversários de “misoginia” (ódio

ou aversão às mulheres) “não foi a melhor tática, mesmo porque muitos brasileiros nem conhecem essa palavra”, admite um aliado da petista.

Na mira do TCU

O TCU fez devassa sobre licitações de empresas que prestam serviços na Esplanada dos Ministérios e em órgãos do Governo. Os raios-x revelaram cadeia de irregularidades e direcionamento de contratos. Um dos alvos é a empresa Fortaleza, recém-contratada pelo Senado. A apuração, no entanto, está perdida em alguma gaveta da corte.

“Temer teme”

Incisivo e cada dia mais enervado defensor da presidente afastada Dilma, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) afirma que o presidente Michel Temer articula para antecipar o julgamento da petista porque teme novas denúncias ou delações.

Segue..

“A história de ir para a China, para o G20, ele poderia ir como interino. Tem muitas delações no forno e o Temer está inseguro”, diz o petista.

Deu seta

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), já fez chegar à presidente afastada Dilma o que já era mais que escancarado: está do lado do presidente provisório Michel Temer e empenhado em encerrar o quanto antes o processo de impeachment.

Tchau, querida

Há semanas Renan e Dilma – antes unha e carne – não se falam e não devem mais se falar até o julgamento final da petista.

Viva Maciel

Com direção e roteiro da jornalista Dulce Queiroz, um filme de 44 minutos saúda a trajetória de Marco Maciel, ex-senador e ex-vice-presidente da República.

Ponto Final

“Pra variar, a esquerda se vitimizando...e mentindo”

Do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), sobre Dilma alegar que o impeachment foi ato misógino.

Você pode gostar