Renan: Esperamos votar reabertura da repatriação até quinta-feira

A proposta não chegou a ser avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira, por falta de quórum

Por O Dia

Brasília - O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), confirmou a intenção de votar o projeto que reabre o programa de repatriação diretamente no plenário ainda nesta semana. A proposta não chegou a ser avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira, para onde foi primeiramente encaminhada.

O presidente do Senado, Renan CalheirosJefferson Rudy/Agência Senado 15.06.2016

"Como esse assunto já foi bastante discutido no Senado, esperamos votar hoje (quarta) ou amanhã (quinta-feira) a (reabertura da) repatriação", afirmou o peemedebista ao confirmar que a matéria pode ser puxada da comissão diretamente para o plenário. "O Senado se debruçou sobre essa matéria e é importante agilizá-la", disse.

Às 15h, Renan se reúne com líderes partidários para definir a pauta de votação dos próximos dias. Nesse encontro, os senadores devem confirmar a data de apreciação da reabertura da repatriação. O Senado tem sessão deliberativa marcada para essa quarta-feira às 16h. Em seguida, às 17h, está prevista uma sessão do Congresso Nacional para análise de vetos presidenciais

A matéria deveria ter sido apreciada na CCJ nesta quarta-feira, mas, a reunião não chegou a ser realizada por falta de quórum. O presidente do colegiado, José Maranhão (PMDB-PB), foi designado relator do projeto, mas não estava presente. No plenário, a relatoria deve ser feita pelo futuro líder do governo Romero Jucá (PMDB-RR).

Últimas de Brasil