Ex-goleiro Edinho, filho de Pelé, tem a prisão decretada

Ex-jogador responde pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação ao tráfico de drogas

Por O Dia

São Paulo - O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) condenou o ex-goleiro do Santos Futebol Clube, Edson Cholbi do Nascimento, 46 anos. Edinho é acusado de crime de lavagem de dinheiro e associação ao tráfico de drogas. O TJ-SP, porém, diminuiu a pena de 33 anos e quatro meses de reclusão para 12 anos e dez meses em regime fechado.

O ex-goleiro Edinho%2C filho de Pelé%2C foi condenado pelo crime de lavagem de dinheiro. No entanto%2C ainda cabe recursoDivulgação

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo julgou, nesta quinta-feira, 23, o recurso de apelação do filho de Pelé. O órgão pediu à 1º Vara Criminal de Praia Grande que expedisse o mandado de prisão do ex-goleiro.

Edinho foi preso em junho de 2005 com outras 17 pessoas. Depois de seis meses em prisão provisória, o ex-goleiro foi solto com liminar de habeas corpus do Supremo Tribunal Federal (STF).

Advogado entra com habeas corpus

Nesta tarde, o advogado de Edinho, Eugênio Malavassi, entrou com um habeas corpus junto ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ), pedindo a revogação da prisão do ex-goleiro.

Com informações da Agência Brasil e da Agência Estado

Últimas de Brasil