Homens matam onça-pintada e exibem animal morto na Internet

Três caçadores fizeram a gravação em Juquiá (SP). Felino, o maior das Américas, está ameaçado de extinção

Por O Dia

São Paulo - Três caçadores mataram uma onça-pintada, maior felino das Américas e ameaçada de extinção, durante uma caçada clandestina na reserva de Mata Atlântica de uma fazenda, em Juquiá, no Vale do Ribeira, no interior de São Paulo. Em seguida, eles gravaram e enviaram para amigos pelo aplicativo WhatsApp um vídeo em que se vangloriam do fato e exibem a onça adulta, abatida a tiros, como um troféu. As Polícias Civil e Ambiental estão, agora, à caça dos autores do crime.

A caçada aconteceu no último fim de semana. No vídeo, aparece apenas a onça abatida, mas é possível ouvir com clareza a voz de um dos caçadores.

Caçadores exibem onça pintada morta em Juquiá (SP)Reprodução/Internet

"Olha aqui, Mauri, olha, Jorge, vocês dizem que aqui não tem onça grande? Olha o tamanho desse bicho! Saí para buscar uma paquinha e olha o tamanho disso, Adilsão!", diz um deles.

Ele conta que a onça foi morta com dois tiros e mostra, no vídeo, as armas usadas. "Ela largou dos cachorros e estava investindo em nós. Dei um tiro de 12 na cara dela, e o Jorge atirou no pescoço com a 24. Os dois tiros falaram juntos."

Últimas de Brasil