Laudo do IML não aponta lesões em mulher de sertanejo Victor

Polícia Civil de Minas não encerrou inquérito mesmo após corpo de delito feito em Poliana Chaves ter dado negativo

Por O Dia

Minas Gerais - A delegada da Divisão de Polícia Especializada da Mulher, do Idoso e do Deficiente (Demid) da Polícia Civil de Minas Gerais, Danúbia Quadros, concedeu entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira para falar sobre a investigação contra o sertanejo Victor, da dupla Victor e Léo, suspeito de ter agredido a esposa, Poliana Bagatini Chaves, no final do mês passado.

De acordo com a delegada, o exame de corpo de delito feito em Poliana deu negativo e o laudo do Instituto Médico Legal (IML) não apontou qualquer lesão aparente. Entretanto, a polícia ainda apura outras vertentes e analisará imagens do circuito interno de vídeo do prédio onde eles moram para poder dar o inquérito por encerrado.

Neste domingo, Victor prestou depoimento na sede da Demid. Ele é acusado de agredir a esposa, que está grávida, no final de fevereiro. Um dia depois de registrar a queixa, a esposa do cantor voltou atrás e publicou uma mensagem no Instagram dizendo que tudo não passou de “um grande desentendimento familiar” e que “Victor não me machucou e nunca me machucaria”.

Victor, da dupla sertaneja Victor e Léo, foi acusado de agressão à esposa, que está grávidaDivulgação


Últimas de Brasil