Buscas pelo corpo de adolescente morta por cunhado continuam nesta terça

Corpo teria sido lançado nas águas do Rio Tietê, em Itu, no Interior de São Paulo

Por O Dia

Sorocaba - O Corpo de Bombeiros de Sorocaba iniciou, no início da manhã desta terça-feira, o terceiro dia de buscas pelo corpo da adolescente Isabela Ferreira, de 17 anos, assassinada pelo cunhado neste fim de semana, em Itu, no Interior de São paulo.

Assassino se matou enquanto aguardava transferência para presídioReprodução Facebook

De acordo com a corporação, as buscas seguem ao longo do dia, e podem virar a noite. O corpo da jovem, que foi estrangulada após tentativa de estupro, teria sido arremessado da Ponte Nova. Nas buscas, os militares pretendem cobrir uma área de 15 quilômetros de extensão.

Segundo informações o Jornal Cruzeiro, o cunhado, João Felipe Oliveira de Moura, de 20 anos, se matou enquanto ainda aguardava transferência para um presídio, após confessar o crime e ser indiciado por feminicídio. Ele teria usado os cadarços dos próprios tênis para se enforcar.

Crime chocante

Conforme a Polícia Militar, a família de Letícia entrou em contato com a corporação para denunciar o desaparecimento da garota. Testemunhas teriam visto a adolescente entrar no automóvel do cunhado. O rapaz foi procurado em casa, no bairro Potiguara, e negou ter visto a jovem, mas aparentava nervosismo. Em buscas no veículo, policiais encontraram mancha de sangue no lado do passageiro e uma marca de sapato no painel, além de outras evidências de ter havido luta no interior do carro.

O rapaz acabou confessando que havia tentado estuprar a jovem e, diante da resistência, acabou matando-a por estrangulamento. Em seguida, ele dirigiu o carro até uma ponte, conhecida como Ponte Nova, e lançou o corpo no Rio Tietê.

Últimas de Brasil